O que é Esoterismo?

Avalie este post

Muito se falou, ao longo da história, sobre esoterismo: na filosofia, essa palavra dá nome a uma escola; na música, é uma obra de Caetano Veloso; porém, no ocultismo, o significado dessa palavra é bastante diferente e, por esse motivo, trouxemos este artigo para abordar esse tema. 

Nesse contexto, se você deseja saber um pouco mais sobre esse assunto e sobre as definições da palavra, acompanhe o artigo abaixo!

O que significa a palavra “esoterismo”?

“Esotérico”, “esoterismo” e suas variantes são um daqueles termos que muita gente usa, mas que nem todo mundo sabe exatamente o que ele significa. Isso porque, infelizmente, essa palavra está envolvida em muito preconceito ao longo dos anos e, assim, atrai para si uma carga cheia de negatividade, pois muita gente acha que “esoterismo” e “magia negra” são sinônimos (o que não é verdade).

Nesse contexto, para ajudar a explicar essa palavra, trouxemos várias definições do que é exotérico. Para começar, vamos falar sobre como essa palavra aparece na maioria dos dicionários hoje em dia: eles definem esotérico como sendo uma prática que estuda o sobrenatural, o oculto, os iniciados e o conhecimento. 

No entanto, nem todos os dicionários enxergam dessa forma. De forma simples, para o “Houaiss”, que é um dicionário prestigiado de português, esoterismo é uma doutrina que prega que os conhecimentos de áreas como religião, filosofia e ciência não devem ser “vulgarizados”, ou seja, que o conhecimento deve pertencer apenas aos iniciados nas letras.

De uma forma geral, para que todos possam compreender melhor o que é o esoterismo, podemos descrever essa prática como sendo o estudo de áreas da filosofia, da religião e da ciência, tudo isso junto. 

Atualmente — e durante muitos anos — o esoterismo é e foi usado por diversas religiões, por exemplo, a religião hindu, que prega que devemos conhecer o oculto para alcançar a revelação espiritual; além dela, existem diversas práticas que podem ser consideradas esotéricas e que veremos ao longo deste artigo.

O que é esoterismo?

Como explicado anteriormente, o esoterismo é um estudo ou uma prática que busca alinhar filosofia e religião em busca de um conhecimento maior (esse conhecimento, muitas vezes, é tido como algo “sobrenatural”). 

Nesse contexto, no nosso dia a dia, existem diversas práticas comuns que podem ser consideradas esotéricas e, abaixo, te explicaremos como funciona algumas delas:

  • Feng Shui: a prática oriental que busca encontrar o equilíbrio energético de um ambiente através de técnicas de organização tem como objetivo atrair energias positivas e afastar energias negativas. Sendo assim, tendo em vista que essa prática requer um estudo das energias, ela é considerada esotérica;
  • Astrologia: o famoso “horóscopo”, que hoje em dia é tão comum (dá para encontrar previsões astrológicas no seu celular, em programas de TV, em revistas e diversos outros lugares), utiliza a posição dos astros para traçar previsões sobre a vida das pessoas no planeta terra e também é um exemplo de esoterismo;
  • Numerologia: prática cada vez mais comum entre os brasileiros, ela diz respeito ao estudo da influência dos números na nossa vida. Sendo assim, ela também é uma prática considerada esotérica por muita gente;
  • Meditação: a prática de entrar em sintonia com o seu eu interior também pode ser considerada esotérica.

Além dessas atividades citadas anteriormente, existem diversas outras que também são consideradas esoterismo e a origem de todas elas são as mais diversas. 

Sendo assim, como podemos ver, o esoterismo está ligado diretamente ao nosso dia a dia e, apesar de sofrer com a conotação negativa ao longo dos anos, podemos ver que ele não é tudo isso o que as pessoas pregam.

Qual é o benefício espiritual do esoterismo?

Como explicado anteriormente, o esoterismo pode ter diversas aplicabilidades no nosso dia a dia e, sendo assim, podemos fazer uma lista dos diversos benefícios que essa prática pode trazer para a gente. Por exemplo:

  1. Busca na conexão com o mundo ao redor;
  1. Autoconhecimento e aumento da noção de quem você é no mundo e do que está procurando;
  1. Maior equilíbrio nas principais relações do dia a dia, especialmente porque esse tipo de prática exige disciplina; 
  1. Crescimento mental e expansão do conhecimento;
  1. Ganho de maior conexão com a própria espiritualidade;
  1. Diversão (como, por exemplo, é o caso de práticas ligadas à astrologia);
  1. Evolução pessoal e espiritual;
  1. Aumento da sensação de empatia com as pessoas ao redor e com os acontecimentos da vida;

Conotação negativa

Infelizmente, como explicado anteriormente, o esoterismo é um termo que ainda é carregado de preconceito. Isso porque, para muita gente (em especial para os representantes da igreja católica). O fato de que existem coisas no mundo que não são sensíveis aos olhos, mas que nós seríamos capazes de entender caso houvesse autoconhecimento é algo que pode ser interpretado de uma maneira ruim. 

No entanto, o esoterismo é apenas uma forma de entender o mundo ao nosso redor e se conectar com ele. Sendo assim, existem diversas coisas dentro da própria igreja católica ou evangélica, por exemplo, que podem ser consideradas esotéricas.

Por que o esoterismo é importante?

O esoterismo é um estudo que tem por objetivo principal ajudar o ser humano na difícil tarefa de expandir a mente para descobrir o universo ao seu redor.

Nessa corrente de pensamento, o mundo está cheio de respostas que vão muito além do sim ou do não e, por isso, o autoconhecimento e o conhecimento do universo podem ser as principais formas para encontrar os segredos do universo e entender o que ainda é considerado sobrenatural por nós. 

Sendo assim, o esoterismo é importante para conhecer a si próprio e o mundo.

Como iniciar no esoterismo?

Como explicado ao longo deste artigo, o esoterismo está por quase toda parte. Sendo assim, é provável que você já tenha contato com alguma vertente do esoterismo sem nem saber disso. 

No entanto, caso você queira fazer sua iniciação de uma forma mais consciente, é possível fazer isso através, especificamente, da meditação e da busca pela tranquilidade, do foco e do equilíbrio dentro da sua rotina diária.

Compartilhe: